4 de Março, 2024
Edit Content
Projeto contra gravidez precoce abrange 250 adolescentes no Cuando Cubango
AngolaNotícia

Duzentos e cinquenta adolescentes e jovens do Cuando Cubango beneficiaram em 2023 de um projeto que visa evitar a gravidez precoce, consubstanciado na entrega de vários materiais e a realização de palestras.
Esta é uma ação já levada a cabo em 2022, em que abrangeu 130 mulheres, numa iniciativa da ONG Programa Salvaguarda de Jovens (SYP), sob liderança do Ministério da Juventude e Desportos, em parceria com os ministérios da educação e saúde, organizações da sociedade civil, incluindo o Conselho de Igrejas Cristãs em Angola.
As jovens, residentes nos municípios de Menongue, Cuchi, Cuito Cuanavale e Cuangar, participarem em várias palestras sobre o empoderamento feminino, abuso sexual contra as jovens, mau uso de preservativo, gravidez precoce e intencional, descriminação, casamento precoce e círculo menstrual.
Receberam ainda biquínis para uso durante o período menstrual e relógios de controlo do período menstrual.
Em declarações hoje, quarta-feira, à ANGOP, a assistente de logística do programa no Cuando Cubango, Elisabeth da Silva Tchivangue, informou que, para o efeito, foram formados 31 ativistas, com os quais foi possível realizar mais de 500 palestras, nas escolas, igrejas, postos de saúde e centros médicos em uma comunicação em línguas nacionais Nganguela, Umbundu e Tchokwe.
A Organização Não Governamental Programa Salvaguarda de Jovens (SYP) está igualmente representada nas províncias de Luanda, Cunene, Namibe e Huíla.
Pretende formar, até 2026, mais de 60 mil jovens em matérias sobre educação sexual e reprodutiva.
O programa é financiado pela embaixada dos Países Baixos, num orçamento de quatro milhões de dólares e conta com 160 educadores e 187 bancadas comunitárias.
Fonte: Angop

Deixa o seu comentário