23 de Julho, 2024
Edit Content
OMS lança diretriz para cessação do tabagismo reforçando compromisso com a saúde pública
Internacional

A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou nesta terça feira, uma diretriz abrangente para a cessação do tabagismo, destinada a apoiar os mais de 750 milhões de fumantes em todo o mundo que desejam parar. A iniciativa, liderada pelo Dr. Tedros Adhanom Ghebreyesus, Diretor-Geral da OMS, visa reduzir a obrigação global das doenças relacionadas ao tabaco, capacitando os países com ferramentas essenciais para ajudar os indivíduos a abandonar o hábito.

Segundo a OMS, mais de 60% dos 1,25 bilhão de usuários de tabaco do mundo – mais de 750 milhões de pessoas – desejam parar, mas 70% não têm acesso a serviços eficazes de cessação. Essa lacuna existe devido aos desafios enfrentados pelos sistemas de saúde, incluindo limitações de recursos.

Intervenções recomendadas pela OMS

1. Apoio Comportamental: Profissionais de saúde são encorajados a oferecer aconselhamento breve (30 segundos a 3 minutos) como parte integrante dos cuidados médicos, além de suporte comportamental mais intensivo, como aconselhamento individual ou em grupo.

2. Intervenções Digitais: Ferramentas digitais como aplicativos de smartphone, mensagens de texto e programas online são recomendados como complementos eficazes ou autogestão para a cessação do tabagismo.

3. Tratamentos Farmacológicos: A OMS endossa o uso de vareniclina, terapia de reposição de nicotina (TRN), bupropiona (medicamento antitabaco que atua no sistema nervoso central. e citisina como tratamentos eficazes, incentivando os países a disponibilizá-los sem custo ou com custo reduzido, especialmente em nações de baixa e média renda.

Compromisso global

O Dr. Rüdiger Krech, Diretor de Promoção da Saúde da OMS, destacou a importância dessas diretrizes para ajudar comunidades e governos a oferecer o melhor suporte possível aos indivíduos em sua jornada para parar de fumar. A combinação de farmacoterapia com intervenções comportamentais tem demonstrado aumentar significativamente as taxas de sucesso na cessação do tabagismo, oferecendo esperança para milhões que enfrentam o desafio de abandonar o vício.

Acesso global aos tratamentos

Em um esforço para melhorar o acesso global aos medicamentos recomendados, a OMS iniciou um processo de pré-qualificação para produtos medicinais contra distúrbios causados pelo uso do tabaco. Recentemente, a goma de mascar e o adesivo de nicotina da Kenvue se tornaram os primeiros produtos de TRN pré-qualificados, marcando um avanço significativo na disponibilidade desses tratamentos essenciais.

Apelo à ação

A OMS exorta profissionais de saúde, formuladores de políticas e todas as partes interessadas a adotar e implementar estas diretrizes, reconhecendo que a cessação do tabagismo não só beneficia a saúde individual, mas também contribui para a saúde pública global. Esta iniciativa representa um marco crucial na luta contra os produtos de tabaco, visando melhorar a qualidade de vida de milhões de pessoas em todo o mundo.

Foco Saúde//

Deixa o seu comentário