23 de Julho, 2024
Edit Content
Hospital Azancot de Menezes Realiza Campanha Gratuita de Cirurgia de Fístula Obstétrica no Bié
CirurgiaNotícia

O Hospital Materno Infantil Azancot de Menezes deu início hoje, dia 20 de Maio, a uma campanha de cirurgia gratuita para mulheres com fístula obstétrica na província do Bié. A iniciativa, que visa atender 100 mulheres de diferentes regiões do país, terá duração de 10 dias.

Em declaração a Angop, a directora do hospital, Manuela Mendes, a campanha é fruto de um árduo trabalho de busca e cadastro de mulheres que sofrem com essa condição, realizado por uma equipe de especialistas em diversas comunidades angolanas.

“Geralmente, essas mulheres se isolam por vergonha ou medo, o que dificulta o acesso ao tratamento. Por isso, nossa equipe fez um grande esforço para localizá-las e cadastrá-las”, explicou a médica.

Manuela Mendes apela às mulheres que sofrem com fístula obstétrica para que procurem atendimento na Maternidade Lucrécia Paim ou no Hospital Azancot de Menezes, onde serão cadastradas e, no momento oportuno, passarão pela cirurgia corretiva.

A campanha contará com a expertise de cinco médicos, sendo três angolanos e dois provenientes do Canadá.

A fístula obstétrica é uma grave condição que afeta mulheres durante o parto, especialmente em partos prolongados ou obstruídos. Essa lesão causa a formação de uma abertura anormal entre o canal vaginal e a bexiga ou reto, levando à incontinência urinária ou fecal e, consequentemente, ao isolamento social da mulher.

A campanha do Hospital Azancot de Menezes é um passo importante no combate à fístula obstétrica. Através da oferta de tratamento gratuito e da conscientização sobre a doença, espera-se reduzir o sofrimento de muitas mulheres e reintegrá-las à sociedade.

Foco Saúde//

Deixa o seu comentário