19 de Abril, 2024
Edit Content
Kate Middleton: conheça o hospital privado em Londres onde a princesa é tratada
Internacional

Família real toda é atendida na instituição, inclusive o Rei Charles, que também está lutando contra um câncer

Kate Middleton, que anunciou nesta sexta-feira que foi diagnosticada com câncer, está sendo tratada na Clínica de Londres, o mesmo hospital privado onde foi submetida a uma cirurgia abdominal em janeiro.

O hospital, que tem longo histórico de tratar personalidades e membros da realeza, está sendo investigada por violação de dados reais. No início desta semana, o Daily Mirror informou que pelo menos um funcionário da clínica consultou os registos médicos da princesa de Gales sem autorização. Três funcionários já foram afastados.

O rei Charles, que está em tratamento para um tipo de câncer, também segue sendo tratado no centro por causa de um câncer de próstata.

A Clínica de Londres foi inaugurada oficialmente pelos então duque e duquesa de York em 1932. Foi ideia de um grupo de médicos da Harley Street que decidiu planejar uma nova casa de repouso usando os mais altos padrões médicos da época.

A instituição tem seu próprio concierge, oferece carne e peixe de mercados renomados. As refeições são personalizadas e contam com ingredientes de fazendas locais.

O rei, como então príncipe de Gales, abriu o departamento de fisioterapia em 1989, enquanto a princesa Margaret lançou a unidade de ressonância magnética em 1991. A falecida Rainha Elizabeth inaugurou a unidade de câncer em 2010.

Os pacientes anteriores incluem o falecido duque de Edimburgo, príncipe Philip, a irmã mais nova da falecida rainha, a princesa Margaret, e o ex-presidente dos EUA John F. Kennedy. A atriz Elizabeth Taylor também foi tratada na clínica depois de cair no set de um filme na década de 1960.

O hospital informa que é capaz de tratar 154 doenças, incluindo vários tipos de câncer, com centenas de tratamentos, testes e exames disponíveis. Recebe cerca de 23 mil pacientes internados por ano, sendo mais 110 mil pacientes ambulatoriais.

A última inspeção da Care Quality Commission (CQC), realizada em novembro de 2021, classificou a London Clinic como “boa” no geral.

Fonte: Jornal o Globo

Deixa o seu comentário